sábado, 25 de janeiro de 2014

Wish It Were You – Capítulo 18

(Seu nome) narrando.
                Ele se virou sorrindo, era ele mesmo. Seu cabelo estava um pouco maior, a barba, como sempre, estava impecavelmente feita. Fazia seis meses que eu não o via. Como sempre ele não parava em casa, depois que a empresa se tornou uma multinacional as coisas mudaram. Minha família mudou, ele mudou.
- Você não vai dar um abraço no seu pai? – perguntou ele, em seu inglês impecável. – Você cresceu, baixinha.
Ele só podia está brincando. Claro que eu não iria abraçá-lo.
- Abraçar?! Você? – perguntei debochadamente. – Claro que não, você some por meses e depois volta como se nada tivesse acontecido? Qual o seu problema?
- Qual o seu problema? – ele repetiu, quase gritando. – Eu estava trabalhando.
- Você é louco, existem milhares de pessoas nessa merda de empresa. Pessoas essas que podem muito bem ir nessas viagens que você vai. – vociferei, no mesmo tom. – Todos os meus namorados, você nunca conheceu nenhum. Você não estava aqui quando meu coração foi quebrado. Quando eu mais precisava de você! Você nem sabe a minha cor favorita, minha cantora favorita, minha banda favorita... Você não sabe nada sobre mim. E eu sou a sua filha.
- Não é bem assim... – começou ele, mas eu logo o interrompi.
- Não é bem assim é o caralho. É assim mesmo. Faz quanto tempo que você não senta com a mamãe pra jantar? Quando tempo que você não me vê tocar violão? – perguntei.
- Eu sei o nome do seu namorado, o Eduardo. – disse ele, provavelmente, tentando me convencer que sabia de alguma coisa da minha vida.
- Eu não tenho namorado! – gritei, e ele me olhou espantado. – Mas não tinha como você saber, não é? Porque você não estava aqui.
- Eu não sabia... – sussurrou ele, penalizado.
Droga, ele ia fazer aquilo novamente. Começar a me agradar de todas as formas, e quando eu tivesse o perdoado, inventava outra viagem.
- Você nunca sabe. – disse, e deixei uma lágrima solitária cair. Enxuguei a mesma rapidamente e fui para o andar de cima da casa.

Demi Lovato narrando.
                Todos na sala estavam paralisados, nunca tinha visto ela daquele jeito. Minha pequena parecia tão frágil, insegura e magoada. Seus olhos ficaram tristes assim que o viu.
- O que foi isso? – perguntei, para mamãe.
- Ela e o pai não se dão bem, pelo que o avô dela me contou. – disse ela, quase sussurrando.
- Eu a entendo. – disse. Eu realmente a entendia, em partes, pelo menos. – Acho melhor ir falar com ela.
- Ela precisa de um tempo, sozinha, Demi. – disse Dallas, se pronunciando pela primeira vez. Olhei pra mamãe que balançou a cabeça, concordando.
- Ok. – disse, rendida.
                Fiquei um tempo conversando com Dallas e Maddie, enquanto mamãe falava com o pai da (seu nome). Ele parecia um cara legal, não vou negar, mas eu não tinha gostado muito dele. E sim, eu não gostei justamente pelo fato dele ter feito, mesmo sem querer, a minha namorada sofrer.
                Olhava as horas de cinco em cinco minutos. Acabei entrando um pouco no Twitter, fazia dias que eu não dava sinal de vida ali. Distrai-me um pouco ali. Tinham se passado quase duas horas. Decidi subir. (Seu nome) estava tocando violão, ela cantava alguma coisa também, não conhecia aquela música.
- Believe me when I say (Acredite em mim quando eu digo). I've tried to forget the day (Eu tentei esquecer o dia). When we first laid eyes on each other (Quando pela primeira vez pusemos os olhos uma na outra). Never felt that way for another (Nunca me senti assim por outra). Its not like you were superman (Não é como se você fosse o Superman). But your power over me was all I had (Mas seu poder sobre mim era tudo o que eu tinha).I tell myself to stop and breathe (Eu digo a mim mesma para parar e respirar).Or else these thoughts take over me (Ou então esses pensamentos tomam conta de mim). – cantou ela, parando em seguida e encarando um papel.
- Eu gostei da música. – disse, e ela deu um pulo, assustada.
- É... – começou ela, envergonhada. - Ainda não está terminada.
- E é pra mim. – disse, sorrindo. – Ninguém nunca fez isso pra mim, é muito lindo.
- Como você sabe? – perguntou (seu apelido), colocando as mãos na cintura.
Sentei-me ao seu lado.
- Superman. – disse rindo, ela arqueou uma sobrancelha. – Minha fantasia, na festa da casa do Rodrigo.
- É... Você me pegou. – disse ela, soltando uma risadinha. Ela me puxou para si e me abraçou.
- Você ta bem? – perguntei, sinceramente.
- To sim. – disse (seu apelido) e eu a encarei. Ela estava mentindo.
- Não, você não ta. – disse e ela abriu a boca pra protestar. – Eu sei que você não ta, não adianta negar. Eu estou aqui com você, pra sempre.
(Seu apelido) assentiu e me abraçou novamente. Deitamos ali no chão, em silêncio. Tinha uma espécie de janela no teto dali, o que nos deixava ver o céu. Ele estava lindo, as estrelas davam um toque especial, e até mesmo romântico.
- Posso te pedir uma coisa bem clichê? – perguntou ela.
- Hm, pode. – disse, enquanto mexia nos cabelos dela.
- Canta pra mim? – ela me encarou, seus olhos estavam brilhantes. Naquela hora ela era a minha lovatic.
- O que você quer que eu cante? – perguntei. Ela sorriu grandiosamente.
- Skyscraper. Espera, Heart Attack. Não, não, My Love Is Like a Star. Ai meu Deus, This is me! – respondeu ela, e eu gargalhei. – Eu não sei qual escolher.
Gargalhei ainda mais, o que fez (seu nome) começar a rir também. Sem dúvidas, dava para escutar nossas risadas do andar inferior da casa. Paramos de rir depois de um tempo, tinha ficado sem ar.
- Podia ser Nightingale. Quando eu ficava triste, antes de descobrir tudo isso, eu começava a escutar Nightingale. E sentia que você estava aqui, do meu lado. Que eu podia enfrentar tudo. E eu ficava pensando: ainda vou encontrá-la e vamos ficar juntas. – disse (seu apelido).
- Agora eu estou aqui, e, estamos juntas. – disse.
                Ela acariciou o meu rosto, e eu fechei os olhos. Senti seus lábios tocarem nos meus, iniciamos um beijo em seguida. As nossas línguas duelavam, duela essa que não existia perdedores. Eu a amava tanto. Sentir ela perto de mim, beijar ela, a abraçar, me trazia uma paz e um sentimento inexplicável de quatro letrinhas: Amor.
- Vocês? – perguntou alguém e nos separamos imediatamente. 

NA: Desculpem a demora, é que já começou minhas aulas. wefnwdwed A música ali de cima é da Taylor Renne (diva), mas vai ser composição da (seu nome). Nela tem alguns spoillers. Mais de 10.000 visualizações de página. Obrigada meninas, amo vocês. Enfim... Quem será que é? Comentem. 

16 comentários:

  1. Eu acho que deve ser o pai da você. Você é de que lugar ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hm, eu não sei se é ele. E eu sou de Fortaleza (fim do mundo) dekwjhdkhbwedf

      Excluir
  2. Meu deus...que merd de pai que tua mãe arrumou hein seunome..pois é eu tbm filha eu tbm..coitada de nois kkk...pegaram gente no fragante espero que seja a dallas pra avisar sobre algo ou med pra ficar parceira juntando a dallas tbm...continua.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que os homens (pais) que prestam está ficando cada vez mais raro, né? dkwejhdkljne Não é a Dallas, vai ser outra pessoa. Vou postar em breve \õ/

      Excluir
  3. vc n podia ter parado ai!! e teu imagine é muito foda um dos mais perfeitos q eu já li parabéns

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu sou má, to brincando Isa, foi pra deixar um suspense no ar mesmo. dkejhdkwej Obrigada, feliz com isso :D

      Excluir
  4. OMG esse capítulo ta tão *-*' awwwwwwww...
    and Nightingale é minha musica favorita awwww *-*' plz continua minha gata linda de morrer. ♡♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi o capítulo mais "fofo" que eu consegui fazer até agora. dkhwedkw Não sou uma pessoa muito fofa, ai não consigo escrever coisas fofas. Mas ok. A minha favorita é Skyscraper <33 Vou postar em breve minha gata super poderosa skejhdknwe

      Excluir
  5. Hey!! Irei comentar agora direto U.U pq sim. Meu Deus a cada dia 16 e passa me impressiono mais. Por em a pergunta que não quer calar... Quem apareceu no quarto???? Posta logo ou meu Deus eu olho isso aqui dia tee de é noite sem parar. Posta a a Bjo coxo (Dallas)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dallas!! Amo seus comentários. Own, obrigada. Fico mega feliz que você goste do imagine. Surpresa! kkk vou postar em breve. Desculpa pela demora. Beijos. *---*

      Excluir
  6. uoool perfeito <3 quero mais u.u

    ResponderExcluir
  7. POSTA POR FAVOR :'(((((( Dallas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vou postar Dallas, desculpa pelo sumiço. :((

      Excluir